sexta-feira, 2 de janeiro de 2009

Jorge: MINISTRA DE PANTUFAS SUBSTITUIU O CAMPOS DE BOTAS CARDADAS

.

Ana Jorge, ministra da saúde. Esta senhora veio de pantufas fazer o que Correia de Campos delineou e esteve a fazer com botas cardadas. É a técnica do vendedor Sócrates que mistura açúcar na comida azeda e vende-a como compota da melhor.

A notícia vem tarde e a más horas e até fica toda publicada na íntegra já aqui mais em baixo. Ela, a notícia da Lusa, diz que “A reforma dos cuidados de saúde primários conduziu ao encerramento dos horários nocturnos de 30 centros de saúde e mais 46 vão ter os seus horários alterados, segundo o Ministério da Saúde.”

Mas o que se passa é que em Lisboa isso já acontece há mais de um ano, ainda o boçal bota cardadas Correia de Campos era ministro (agora deve andar a frequentar um tacho dos bons à custa dos maus serviços que nos prestou). Refiro Lisboa mas não é só por cá que isso acontece há imenso tempo.

É comum chegarmos aos centros de saúde e darmos com o nariz na porta. Então lá temos de ir para a balbúrdia dos hospitais esperar horas infindas para sermos atendidos. Muitas das vezes acontece com pais que têm duas e mais crianças constipadas e com problemas respiratórios que habitualmente viam o problema resolvido na hora e mais próximo de casa, sem balbúrdias transcendentais. Agora não. Agora é tudo ao molho e fé em Deus e vem a cândida ministra atirar-nos para os olhos com o seu visual mil vezes melhor que o do bruto Correia de Campos e com a sua voz maviosa dar explicações entorpecentes à boa maneira dos que servem Sócrates e interesses estranhos em vez de servirem o país.

A notícia fica já aqui mais em baixo para quem não tiver passado os olhos por ela mas fiquem sabendo que é mais do mesmo. Estamos tramados a todos os níveis. Foi aquilo que arranjaram ao dar maioria absoluta a um partido descaracterizado e que já nada tem que ver com o seu passado, onde oportunistas da política se incrustaram para conseguirem grandes vidas e grandes tachos sem que para isso tenham competência e seriedade.

Agora nas próximas eleições, este ano, metam lá outra vez o aldrabão Sócrates, não se esqueçam… ou então a seráfica Manuela Leite. Se agora já guinchamos depois vamos perder o pio. Eu avisei, depois não se queixem.

Centros de Saúde: 30 viram horário nocturno fechado, mais 46 mudarão horário

SMM - Lusa

Lisboa, 02 Jan (Lusa) - A reforma dos cuidados de saúde primários conduziu ao encerramento dos horários nocturnos de 30 centros de saúde e mais 46 vão ter os seus horários alterados, segundo o Ministério da Saúde.

De acordo com a tutela, as alterações dos horários de funcionamento dos centros de saúde estão relacionadas com "uma melhor gestão dos recursos humanos".

O objectivo é "disponibilizar mais consultas aos cidadãos no período normal de funcionamento do centro de saúde".

Por esta razão, e desde 2005, deixaram de funcionar entre as 00:00 e as 08:00 os centros de saúde de Caminha, Alijó, Murça, Vila Pouca de Aguiar, Oliveira do Bairro, Sever do Vouga, Aveiro, Mealhada, Condeixa a Nova, Lousã, Miranda do Corvo, Montemor-o-Velho, Penacova, Penela, Soure.

A medida afectou igualmente os centros de saúde de Vila Nova de Poiares, Gorjão Henriques e Arnaldo Sampaio (Leiria), Nazaré (SAP Verão) São Pedro do Sul, Vouzela, Silves, Beja, Azambuja, Lourinhã, Cadaval, Ourém, Grândola, Caminha e Cadaval.

Além destes centros de saúde, mais 46 irão sofrer alterações nos horários. Contudo, a equipa de Ana Jorge garante que irão ser criadas "as condições necessárias para a reorganização dos horários nocturnos" das unidades.

O Ministério da Saúde lembra que o funcionamento nocturno dos centros de saúde "implica ter um médico, um enfermeiro e um administrativo para atender situações não urgentes em períodos em que os cidadãos recorrem em número diminuto, a partir da meia-noite".

"O processo estará terminado quando as respostas alternativas estiverem no terreno e os cidadãos sentirem a necessária segurança", assegura o Ministério.

A reestruturação dos cuidados de saúde primários implicou ainda que alguns centros de saúde tenham sido transformados em Serviços de Urgência Básica (SUB).

Foram já criados SUB em Fafe, Amarante, Barcelos, Macedo de Cavaleiros, Monção, Lamego, Valongo, Águeda, Oliveira de Azeméis, Arganil, Seia, Pombal, São Pedro do Sul, Tondela, Lagos, Albufeira, Loulé, Vila Real de Santo António, Estremoz, Elvas, Odemira, Alcácer do Sal e Alcobaça.

O encerramento dos serviços de urgência foi uma das medidas mais polémicas de António Correia de Campos, substituído em Janeiro deste ano por Ana Jorge.
.

2 comentários:

nike shoes disse...

where you come from!

123小游戏 disse...

I love very broad, I like some of the ancient culture, like modern architecture, and now I am fat, I like your BLOG!